PL que retira verba da educação para o trânsito e da construção de ciclovias irá a votação nesta quarta.

Será votado nesta quarta-feira, 02 de abril, a partir das 14h30, na Câmara de Vereadores o Projeto de Lei do Executivo que acaba com a obrigação do governo investir 20% do dinheiro arrecadado com multas na educação para o trânsito e na construção de ciclovias.

Foto: Ederson Nunes / CMPA
Foto: Ederson Nunes / CMPA

Houve Audiência Pública para debater o PL nesta segunda-feira, que foi amplamente criticado por associações, cidadãos e vereadores presentes, inclusive vereadores da base do governo, como Valter Nagelstein (PMDB) que garantiu que irá votar contra o projeto e pela manutenção dos 20%.

O único a defender a posição do governo foi o vereador Airto Ferronato (PSB) líder da bancada governista. Ferronato propôs ao invés da revogação permanente dos 20%, a sua suspensão pelo período de um ano. Nem mesmo Vanderlei Cappellari, diretor-presidente da EPTC, defendeu o projeto depois das críticas, em sua manifestação final – usou seu tempo para defender apenas a equipe técnica da EPTC das duras críticas de que também foi alvo.

Na quarta-feira, também será votado o PL do vereador Marcelo Sgarbossa (PT) que também cria um fundo para o Plano Cicloviário, mas mantendo os 20% e criando um conselho-gestor paritário.

É importante o comparecimento de um grande número de pessoas na Câmara de Vereadores, nesta quarta-feira, às 14h30, para que os vereadores saibam que a população é contra esse retrocesso. A nossa pressão já gerou resultado, são os momentos finais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *