Nova Ponte do Guaíba não terá acesso para pedestres e ciclistas.

A Mobicidade participou de reunião na superintendência do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (DNIT) na manhã desta sexta-feira para tratar sobre os acessos a Porto Alegre para pedestres e ciclistas, especialmente sobre a nova ponte do  Guaíba. O superintendente substituto, Delmar Pellegrini Filho, e o engenheiro Pedro Coutinho, um dos responsáveis pela obra,  participaram da reunião e informaram que a nova ponte não contará com acesso para pedestres e ciclistas

A nova ponte contará com duas faixas para automóveis em cada sentido, com um acostamento lateral de três metros de largura que poderá no futuro ser convertido em uma terceira faixa. Entretanto, mesmo possuindo amplo acostamento, o trânsito de pedestres e ciclistas será proibido. Como justificativa, os representantes do DNIT alegaram a alta velocidade dos automóveis e a elevada altura da ponte. Segundo Delmar, a prioridade do DNIT é o trânsito pesado e de longa distância, o que não contemplaria os interesses dos moradores das Ilhas e da Grande Porto Alegre que por opção ou necessidade não utilizam veículos motorizados, bem como o de cicloturistas e esportistas.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *